Israel planeja rodovia até assentamento na Cisjordânia

O governo israelense afirmou que está pressionando para levar em frente os planos de construção de uma nova estrada entre Jerusalém e um grande assentamento judaico na Cisjordânia. O negociador palestino Saeb Erekat disse que o plano da estrada sabota os esforços dos Estados Unidos para reiniciar as negociações diretas de paz entre Israel e a Autoridade Palestina. Os palestinos exigem que Israel suspenda todas as construções israelenses na Cisjordânia antes da retomada das negociações diretas.

AE-AP, Agência Estado

16 de agosto de 2010 | 15h06

O Ministério da Habitação e Construção de Israel informou hoje, em comunicado, que abrirá licitação para a construção da rodovia, que ligaria Jerusalém ao assentamento vizinho de Maaleh Adumin, onde vivem 35 mil moradores. O ministério diz que o projeto não viola o congelamento de construções israelenses na Cisjordânia.

Tudo o que sabemos sobre:
IsraelPalestinapazrodoviaassentamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.