Israel pode retirar tropas de Belém ainda hoje

Um alto funcionário do governo israelense disse que as tropas do país poderão começar a retirar-se ainda hoje à noite da cidade palestina de Belém, na Cisjordânia. Esse é um dos sinais de progresso nas conversações para um cessar-fogo promovidas pelos EUA. O vice-presidente Dick Cheney chegou hoje a Jerusalém. Ele e o enviado especial do presidente George Bush, o general dos Fuzileiros Navais Anthony Zinni, reuniram-se com o primeiro-ministro israelense, Ariel Sharon. Entre ontem e hoje também aconteceram três reuniões entre funcionários da área de segurança de Israel e da Autoridade Nacional Palestina. "A reunião de hoje foi dura e séria, mas positiva. Os israelenses estão comprometidos com uma retirada de todas as áreas palestinas da Cisjordânia", afirmou o chefe da segurança palestina na região, Jibril Rajoub. Apesar da redução das tensões, a emissora britânica BBC informou que Cheney recusou-se a se reunir com o presidente da Autoridade Palestina, Yasser Arafat. As informações são da Associated Press, citada pela Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.