Israel realizará nova ofensiva na Faixa de Gaza

O primeiro-ministro de Israel, Ariel Sharon, disse que uma nova ofensiva deve ser lançada brevemente na Faixa de Gaza, onde, acredita, estão vários líderes do grupo militante islâmico Hamas. O grupo assumiu a responsabilidade pelos dois atentados ocorridos na semana passada em Israel. Oficiais do exército israelense e o ministro palestino Saeb Erekat reuniram-se nesta segunda-feira na base militar de Beit El, ao norte de Ramallah.O encontro ocorreu um dia após o exército de Israel ter suspenso a demolição do complexo de Arafat. O cerco, no entanto, permanece e Israel diz que não retirará suas tropas até a entrega de palestinos suspeitos que, segundo o exército, estão no complexo. Erekat foi ao encontro de Arafat após a reunião. O líder palestino está confinado em quatro cômodos, com 200 assessores e pessoal de segurança.Grandes Acontecimentos InternacionaisESPECIAL ORIENTE MÉDIO

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.