Israel retira famílias de diplomatas do Egito

As famílias dos diplomatas israelenses no Egito estão deixando o país e retornando para Israel, diante do aumento dos protestos anti-isralenses nas ruas do país, informou a embaixada israelense e funcionários do aeroporto internacional do Cairo. Cerca de 45 israelense, familiares dos diplomatas, embarcaram para Israel.O porta-voz da embaixada israelense confirmou os embarques, mas recusou-se a divulgar qualquer detalhe "com o objetivo de não causar mais danos desnecessários à delicada relação entre os dois países"."Um grupo de cônjuges e filhos de diplomatas israelenses embarcou para Israel esta noite por um período limitado de tempo para descanso e recreação", disse o porta-voz da embaixada. A embaixada israelense continua a funcionar normalmente, acrescentou o porta-voz.Egito, Jordânia e Mauritânia são os únicos países árabes que mantêm relações diplomáticas com Israel. Diante da crescente pressão pública, o governo egípcio anunciou na semana passada que estava reduzindo as relações com Israel.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.