Israel tenta dissuadir palestinos com artilharia e panfletos

O Exército israelense disparou hoje fogo de artilharia contra várias posições no norte da Faixa de Gaza, de onde, supostamente, milicianos palestinos costumam disparar foguetes contra Israel, informou a rádio pública. Além disso, aviões da Força Aérea israelense lançaram hoje centenas de panfletos. O texto aconselha os militantes palestinos do norte da Faixa de Gaza a não atacar Israel, ameaçando com uma dura represália."Nas últimas semanas tem reinado a calma. Nenhum Qassam (foguete artesanal) foi disparado contra Israel. A calma trará mais calma. O terrorismo e os ataques de foguetes levarão o Exército israelense a reforçar sua resposta", dizem os panfletos.Um avião não pilotado israelense lançou ontem à tarde um míssil contra um campo de treino em Gaza. A ação matou cinco militantes dos Comitês Populares da Resistência, facção que assumiu a autoria de dezenas de ataques com foguetes contra Israel.Na sexta-feira, pelo menos seis foguetes foram disparados de Gaza contra território israelense, sem provocar danos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.