Israel vai propor congelar assentamentos na Cisjordânia

O escritório do primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, afirmou hoje que Israel pretende propor um congelamento de dez meses nas construções em assentamentos israelenses na Cisjordânia. O tema é um dos principais entraves para a retomada das negociações de paz entre israelenses e palestinos, que dizem que apenas negociarão a paz quando as construções forem paralisadas. Os palestinos querem essas terras como parte de seu futuro Estado independente.

AE-AP, Agencia Estado

25 Novembro 2009 | 13h44

Pouco antes, o principal negociador palestino, Saeb Erekat, havia advertido que os palestinos não aceitariam um congelamento parcial apenas na Cisjordânia. Os palestinos exigem que as construções sejam paralisadas também em Jerusalém Oriental.

Mais conteúdo sobre:
Israel palestinos assentamentos

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.