Israelenses matam menino palestino

Soldados israelenses mataram hoje à tarde o palestino Mohammed Abu Libda, de 13 anos, em Rafah, na Faixa de Gaza, informaram testemunhas e fontes hospitalares. Segundo as fontes, o menino foi baleado no estômago quando atirava pedras contra os soldados e morreu pouco depois num hospital. O Exército israelense informou não ter conhecimento da morte. Na periferia de Ramallah, na Cisjordânia, helicópteros israelenses dispararam três mísseis contra um escritório da Fatah, a facção do presidente da Autoridade Palestina, Yasser Arafat. Não houve vítimas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.