Itália apreende 100 kg de explosivos da máfia

A polícia italiana apreendeu na Calábria, região sul da Itália, 100 quilos de explosivos TNT, segundo informaram fontes oficiais. Além aprenensão, neste sábado, a polícia calabresa prendeu 14 suspeitos ligados à mafia da região, a N´dranghetta.Todos os presos são acusados de pertencer ao clã Iamonte, que estava tentando vender os explosivos à mafia siciliana, segundo revelou o chefe de polícia calabresa, Agatino Sarrafiore.Segundo ele, o carregamento vinha dos Bálcãs para a Itália, onde poderia ser usado em atentados contra juízes, como os de Roma e Milão, em 1993, ou para pressionar comerciantes locais que se negam a pagar o ´dinheiro da proteção´, cobrado pelos mafiosos.Sarrafiore descartou qualquer ligação dos explosivos com terroristas, afirmando que esta hipótese foi abandonada no início das investigações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.