Itália concede visto humanitário a ilegal

O governo italiano concedeu um visto de permanência por motivos humanitários a um imigrante ilegal que tem 106 anos de idade. Arcenio Cobba Balcazar, um clandestino peruano, chegou à Itália em 2000 em uma viagem de férias e nunca mais saiu.

O Estado de S.Paulo

03 de outubro de 2012 | 03h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.