Itália resgata 128 imigrantes em alto Mar

Ilegais são oriundos do Egito, Eritreia, Sudão e Síria e não conseguiram aportar na Sicília

O Estado de S. Paulo,

27 de março de 2014 | 18h57

ROMA - A Marinha da Itália resgatou 128 imigrantes ilegais de um barco que cruzava o Mar Mediterrâneo e que não conseguiu aportar na costa da Sicília.

Os imigrantes são oriundos do Egito, Eritreia, Sudão e Síria e foram vistos por um helicóptero que patrulhava o litoral da Itália na quarta-feira. Entre os resgatados, estão treze menores de idade e oito mulheres - sendo que duas estão grávidas.

Os imigrantes foram levados para a cidade do portuária de Augusta, na Sicília. As autoridades italianas redobraram a atenção no litoral depois de um naufrágio matar mais de 300 imigrantes ilegais em outubro do ano passado na ilha de Lampedusa. / Dow Jones Newswires

Tudo o que sabemos sobre:
Itáliaimigrantesresgate

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.