Itamaraty condena atentado contra prédio da ONU na Nigéria

Pelo menos 18 pessoas teriam morrido e oito estariam feridas após explosão em Abuja

estadão.com.br

26 de agosto de 2011 | 11h02

O Itamaraty condenou nesta sexta-feira, 26, o atentado contra um prédio da ONU em Abuja, na Nigéria. Em um comunicado, o Ministério das Relações Exteriores manifesta "suas veemente condenação" ao ataque.

 

 
"O Governo brasileiro expressa seu profundo pesar e solidariedade ao Secretariado da ONU, aos funcionários da Organização na Nigéria e seus familiares e reitera seu repúdio a todas as formas de violência, praticadas sob qualquer pretexto", afirma no comunicado.

 

O atentado desta sexta deixou 18 mortos e oito feridos segundo uma autoridade policial nigeriana. Parte do prédio de 5 andares, onde 400 pessoas trabalhavam, foi destruída. A ala mais afetada teria sido onde funciona o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).

 

Até o momento nenhum grupo reivindicou o atentado, porém a Nigéria, um país rico em petróleo, enfrenta ameaças em várias frentes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.