Itamaraty vai pedir material genético a famílias de desaparecidos

O Itamaraty informou nesta terça-feira à tarde que pode solicitar ainda nesta terça às famílias dos brasileiros desaparecidos nos escombros dos atentados terroristas nos Estados Unidos material para um possível reconhecimento por meio de análise de DNA.O chefe de Comunicação do Itamaraty, ministro Luiz Fernando Ligiero, informa que os parentes das pessoas ainda não encontradas deverão preencher um formulário de nove páginas com informações detalhadas sobre o desaparecido."O formulário deve ser preenchido de preferência em inglês, para facilitar o trabalho das autoridades novaiorquinas", destacou o ministro, informando que os dados do questionário e o material genético serão encaminhados ao Consulado do Brasil em Nova York e depois enviados às autoridades norte-americanas.Segundo Ligiero, ainda existem cinco brasileiros desaparecidos nos Estados Unidos. Ele informou que o Consulado examinou, no total, 93 pedidos de buscas de brasileiros nos EUA e que, desse total, 77 pessoas foram encontradas.Onze pedidos, segundo Ligiero, foram cancelados por insuficiência de informações.O chefe de Comunicação do Itamaraty informou ainda que a Prefeitura de Nova York estima que serão necessários vários meses para a remoção de todo o entulho acumulado no local dos atentados que puseram abaixo as torres do World Trade Center no dia 11 de setembro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.