<i>The Independent</i> diz que Fidel pode morrer antes do Natal

O líder cubano Fidel Castro enfrenta um câncer terminal e poderia morrer antes do Natal, segundo reportagem publicada nesta sexta-feira pelo jornal britânico The Independent, que ouviu diplomatas ocidentais em condição de anonimato. De acordo com a BBC Brasil, o jornal britânico, ?observadores próximos ao regime cubano relataram que o líder está sofrendo de uma forma agressiva de câncer no estômago e recusou radioterapia ou qualquer outra forma de tratamento?.O jornal observa que o estado de saúde do presidente cubano é classificado como um segredo de Estado pelo governo do país. Segundo o Independent, as declarações de altos funcionários cubanos de que Fidel Castro não correria risco de morte não são consideradas reais pelos diplomatas estrangeiros.?Os próprios cubanos estão acostumados a ter poucas informações sobre os trabalhos internos de seu governo, mas dissidentes dizem que a incerteza sobre o futuro político do país vem alimentando a impaciência com o segredo que envolve sua saúde?, diz a reportagem.?Apesar das afirmações das autoridades de que Fidel voltará para liderar Cuba por vários anos ainda, mais e mais pessoas suspeitam que ele está próximo da morte", diz o jornal, que adiciona que os cubanos receberam poucas informações além da que dava conta que ele "foi submetido a uma cirurgia de emergência para interromper um sangramento intestinal em julho e que está se recuperando.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.