Já são 41 as mortes causadas por terremoto em Java

O panorama é desolador nas localidadespróximas à cidade de Bantul, no litoral sul da ilha de Java, na Indonésia, onde um forte terremoto de 6,2 graus na escala Richter causou pelo menos 41 mortes. "Não hápedra sobre pedra", segundo a imprensa local. Além das 20 pessoas mortas, os feridos são "incontáveis", informou o serviço de notíciasDetikcom. No distrito de Bantul, ao sul da cidade de Yogyakarta, e nos povoados de Sanden, Pandak e Bambang Lipuro, todas as casas foramdestruídas, "não restou uma sequer de pé", acrescentou a agência de notícias. O hospital de Bantul não está mais aceitando feridos. Os que chegam são transferidos para outros centros na província de Yogya. Desde que ocorreu o abalo, numa área densamente povoada dolitoral, surgiram boatos de tsunamis (ondas gigantes). Centenas de pessoas abandonaram as suas casas, em pânico. Nas estradas, os motoristas faziam sinais com os faróis para avisar do suposto perigo de tsunami, enquanto seguiam em direção norte, rumo a Yogyakarta. O epicentro do terremoto, que foiregistrado às 5h54 (19h54 de sexta-feira, em Brasília), foi situado 25 quilômetros ao sudoeste de Yogyakarta, a cerca de 400 quilômetros da capital, Jacarta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.