Já são nove as renúncias no governo de Blair

Nove membros do governo de Tony Blair renunciaram nas últimas horas, como sinal de protesto contra a política para o Iraque e após a votação no parlamento inglês que autorizou o uso de meios necessários para desarmar Saddam Hussein.Após a demissão, ontem, de Sandra Osborne, secretária permanente do ministro das Relações com a Escócia, renunciou hoje David Kidney, secretário permanente do Ministério do Meio Ambiente.A ?hemorragia? de ministros, vice-ministros e secretários permanentes começou com a renúncia do ministro para Relações com o Parlamento, Robin Cook.Veja o especial :

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.