Japão amplia missão no Iraque até julho de 2009

Ampliação vela para a missão da Força Aérea e a de provisão de combustível a navios de países aliados

Efe,

13 de junho de 2008 | 04h06

O Japão ampliou nesta sexta-feira, 13, a missão de sua Força Aérea no Iraque até julho de 2009, segundo anunciou o Governo do país. Da mesma forma, foi ampliado o prazo de vigência da missão japonesa de provisão de combustível a navios de países aliados no Oceano Índico, para janeiro de 2009. O Governo japonês decidiu nesta sexta-feira estender ambas as missões, por considerar necessário seguir ajudando a reconstrução do Iraque, assim como seguir colaborando com os esforços antiterroristas dos EUA no Afeganistão. A missão japonesa no Iraque se encerraria em 31 de julho, ao tempo que a realizada no Oceano Índico expiraria em 30 de junho. A Força Aérea japonesa está realizando trabalhos de transporte de tropas e materiais para as Nações Unidas e o contingente internacional liderado pelos EUA e desdobrado entre o Iraque e o Kuwait, segundo o Ministério da Defesa japonês. Desde sua chegada ao Iraque, em março de 2004, a Força Aérea japonesa transportou 597 toneladas de materiais em 721 missões de vôo.

Mais conteúdo sobre:
IraqueJapão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.