Japão detecta plutônio em área de usina no Japão

Testes detectaram a presença de plutônio no solo em vários pontos do complexo nuclear de Fukushima Daiichi, atingido pelo terremoto e tsunami, mas não representa um risco à saúde, informou o operador Tokyo Electric Power Co (TEPCO) nesta segunda-feira.

REUTERS

28 de março de 2011 | 12h52

O vice-presidente da TEPCO, Sakae Muto, disse a jornalistas que resultados de testes mostraram que o plutônio foi detectado em amostras retiradas há uma semana do local.

Essa foi a última notícia negativa sobre a usina, em relação à qual crescem as evidências de radiação. Engenheiros travam uma batalha para controlar os reatores danificados pelo terremoto e tsunami no dia 11 de março.

(Reportagem de Yoko Nishikawa)

Tudo o que sabemos sobre:
JAPAOPLUTONIO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.