Japão emite alerta para voos próximos à base de Okinawa

O Ministério de Transportes do Japão emitiu, na noite desta sexta-feira (horário local), um aviso pedindo que aeronaves informem com antecedência o Exército dos Estados Unidos se passarão pelo espaço aéreo perto da base aérea de norte-americana de Kadena, localizada em Okinawa, informou a agência de notícias Kyodo.

Agência Estado

12 de abril de 2013 | 14h17

Acredita-se que o alerta, feito a pedido dos militares dos Estados Unidos no Japão, seja parte das precauções tomadas contra o possível lançamento de mísseis pela Coreia do Norte.

O alerta abrange o espaço aéreo num raio de 30 quilômetros da base, localizada no sul do Japão, onde interceptadores de mísseis serão instalados. O sistema PAC-3 tem alcance de 20 a 30 quilômetros. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
JapãoalertaOkinawaCoreia do Norte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.