Japão volta a abastecer navios no Oceano Índico

Apoio aos EUA no Afeganistão foi interrompido por três meses por causa de uma batalha política no parlamento

Agência Estado e Associated Press,

24 de janeiro de 2008 | 01h40

Um destróier da marinha japonesa deixou o porto ao sul de Tóquio nesta quinta-feira, 24, para reiniciar as missões antiterror do país no Oceano Índico. A partida do destróier Muraame marca o reinício das missões de reabastecimento de navios da coalizão liderada pelos EUA em missão no Afeganistão. Essas ações foram reiniciadas após um intervalo de três meses causado por uma batalha política no Parlamento japonês.  Um petroleiro irá juntar-se ao navio mais tarde e as operações devem recomeçar no prazo de duas ou três semanas. O Japão vem abastecendo esses navios desde 2001.

Tudo o que sabemos sobre:
AfeganistãoEUAJapão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.