Japonês furta 440 pés esquerdos de sapatos femininos

A polícia no sul do Japão prendeu um homem por furtar sapatos num hospital local, e ao promover buscas na casa dele se deparou com uma coleção de 440 sapatos de mulher - todos de pé esquerdo. O hospital particular na cidade de Usu, 800 km ao sul de Tóquio, vinha recebendo há dois anos reclamações de pacientes e empregados, de que sapatos desapareciam do salão de entrada. No Japão, é costume tirar os sapatos antes de entrar em casas e em alguns prédios públicos. Os sapatos desaparecidos sempre eram de mulher, e sempre o pé esquerdo, disseram policiais. No sábado, a polícia deteve Ichiro Irie, 45 anos, por suspeita de ter furtado dois sapatos no hospital. Posteriormente, ao realizar buscas em sua casa, a polícia encontrou uma caixa lotada com 440 pés esquerdos de sapatos femininos de todos os tipos.Quando questionado, Irie revelou que tinha "fascínio pelos pés das mulheres", escreveu o jornal Yomiuri. Não ficou claro o porquê de ele preferir o pé esquerdo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.