Jato russo derruba avião militar ucraniano, acusa o governo de Kiev

Aeronave realizava operações sobre o leste da Ucrânia; o piloto conseguiu se ejetar com segurança, informou um porta-voz 

O Estado de S. Paulo

17 de julho de 2014 | 08h50

KIEV - Um jato russo derrubou um caça SU-25 ucraniano que estava conduzindo operações militares sobre o leste da Ucrânia, onde forças do governo realizam uma ofensiva para acabar com uma rebelião separatista pró-Rússia, disse um porta-voz militar ucraniano nesta quinta-feira, 17.

Segundo a acusação ucraniana, o avião foi derrubado na noite de quarta por um disparo de foguetes. O piloto conseguiu se ejetar com segurança, declarou a jornalistas Andriy Lisenko, porta-voz do Conselho Nacional de Defesa e Segurança da Ucrânia.

"Um avião de guerra da Federação Russa atingiu com um míssil um SU-25 das Forças Aéreas (ucranianas) que cumpria uma missão em território ucraniano", afirmou Lisenko. "O piloto está são e salvo, não ficou ferido."

Sobre outro avião derrubado na segunda-feira 14, uma aeronave de transporte AN-26 , o porta-voz informou que dois dos oito tripulantes foram encontrados mortos, quatro foram resgatados e outros dois, presos pelos separatistas. /EFE e REUTERS

Tudo o que sabemos sobre:
crise na UcrâniaRússia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.