Jawad al Maliki inicia consultas para formar novo Governo

O primeiro-ministro designado do Iraque, o xiita Jawad al Maliki, começou hoje as consultas com os diferentes grupos políticos para formar um Governo de união nacional, que será o primeiro não provisório no Iraque do pós-guerra. Segundo fontes xiitas, Al Maliki espera apresentar "em um prazo de duas semanas" uma lista com os nomes dos membros de seu gabinete. A eleição de Al Maliki para que forme o gabinete foi possível depois que o também xiita Ibrahim al-Jaafari - chefe do Governo interino - anunciou na quinta-feira passada que renunciava ao cargo, o que desbloqueou o processo para a formação do Executivo, quatro meses depois das eleições. As comunidades sunita e curda se opunham radicalmente à candidatura de Jaafari para o posto por considerá-lo sectário. Al Maliki se comprometeu ontem perante o Parlamento a se esforçar para formar um Governo de união nacional, no qual estejam representados todos os grupos políticos e étnicos iraquianos, assim como para restabelecer a segurança no país. Segundo a nova Constituição iraquiana, aprovada em outubro passado em plebiscito, o primeiro-ministro designado tem que apresentar ao presidente uma lista com os nomes dos membros do gabinete em um prazo de 30 dias. O Parlamento iraquiano reelegeu ontem também o curdo Jalal Talabani como presidente do Iraque para uma segunda legislatura, enquanto o sunita Mahmoud al Mashadani foi eleito presidente do Legislativo.

Agencia Estado,

23 Abril 2006 | 07h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.