Jordânia e Egito enviam médicos para cuidar de Arafat

Jordânia e Egito enviaram médicos nesta quinta-feira para atender o presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Yasser Arafat. De acordo com um ministro do Gabinete Palestino, Saeb Erekat, o estado de Arafat é estável na manhã de hoje.Erekat disse que os médicos vindos de outros países irão decidir se o líder palestino precisa ser transferido para um hospital. Israel, que mantém Arafat confinado em um complexo em Ramallah, na Cisjordânia, desde 2002, autorizou sua saída para tratamento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.