Jornais europeus lamentam a vitória de Bush

Líderes mundiais exortaram George W. Bush a trabalhar em seu segundo mandato em conjunto com aliados dos Estados Unidos em questões como terrorismo e o meio ambiente, mas muitos jornais europeus noticiaram a vitória do presidente com desgosto. "Oops - eles fizeram de novo", escreveu em manchete o jornal esquerdista alemão Tageszeitung. "Como podem 59.054.087 de pessoas serem tão IDIOTAS"? questionou o tablóide britânico Daily Mirror, referindo-se ao número de americanos que votaram em Bush.Na Espanha, o diário conservador El Mundo, que se opôs veementemente à guerra no Iraque, publicou uma charge mostrando Osama bin Laden levantando o braço de um vitorioso Bush. "O impacto do 11 de setembro, o temor do terrorismo e o anseio por uma liderança forte prevaleceram sobre o desejo de mudança porque a maioria dos americanos quer respostas simples para problemas complexos", avaliou num editorial o El Mundo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.