Jornal iraniano diz que Bin Laden tem quatro sósias

Um jornal iraniano disse hoje que Osama bin Laden deixou ontem seu refúgio em Kaferestan, no Afeganistão, ao lado de quatro sósias, e assegura que homens com passaporte colombiano entregaram mísseis aos talebans. "Bin Laden desapareceu" é o título de página inteira do jornal Seda-ye Edalat, que cita "fontes seguras entre os talebans", segundo as quais o milionário saudita e seus sósias partiram cada um em uma direção diferente. O Seda-ye Edalat diz ainda que o "autêntico" Bin Laden e cada um de seus quatro dublês tem uma escolta de 32 homens e viaja em um comboio de oito poderosos automóveis blindados, três deles transformados em verdadeiros tanques. O diário assegura ter conversado com Bin Laden, que negou estar por trás dos atentados nos EUA, pelos quais responsabilizou "dois agentes de segurança israelenses e um espião britânico de alto nível". O jornal também informa que os talebans receberam há apenas quatro dias, através da fronteira com o Paquistão, a última entrega de mísseis terra-ar. Eles teriam sido entregues por homens com passaporte colombiano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.