Jornal Le Monde terá cara nova

Em uma tentativa de aumentar sua circulação, a partir da próxima semana o jornal francês Le Monde aparecerá com novo aspecto - sem parecer "nem muito aristocrático, nem muito vulgar", disse o presidente da empresa. Jean-Marie Colombani disse nesta quinta-feira que espera ganhar até 20.000 leitores novos a partir de segunda-feira. Seu objetivo é oferecer "um Le Monde mais completo, mais claro e mais acessível". O vespertino oferecerá maior cobertura sobre acontecimentos e instituições européias, com uma página inteira dedicada à União Européia. Também ampliará as sessões de economia, finanças, esportes e ciências. Sua circulação no ano passado foi de cerca de 395.000 exemplares diários. Como todas as empresas jornalísticas francesas, o Le Monde sofreu no ano passado uma queda importante de renda em publicidade. Colombani disse que prevê nova queda em 2002, apesar das eleições presidenciais e parlamentares entre abril e junho.

Agencia Estado,

11 Janeiro 2002 | 18h13

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.