Jornal saudita critica Conferência Islâmica

Em um editorial intitulado "A grandiloqüência da OCI", o jornal saudita Saudi Gazette criticou duramente o que definiu como "a ineficiência" das resoluções adotadas pela Organização da Conferência Islâmica (OCI)a respeito da situação dos palestinos. No final de uma reunião ministerial extraordinária realizada em Doha, no Catar, na segunda-feira, a OCI divulgou um comunicado no qual convidou "a comunidade internacional a intervir com urgência para acabar com a agressão israelense contra os territórios palestinos".No documento, os países islâmicos "reafirmaram a rejeição de qualquer paralelismo entre o terrorismo e o direito dos povos palestino, sírio e libanês a resistirem à ocupação israelense". Segundo o Saudi Gazette, resoluções como essa são "inúteis trechos de cartas se não são sustentadas por uma determinada ação".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.