Jornalista atira sapatos em Bush durante coletiva

O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, teve hoje, em sua última visita ao Iraque, uma amostra da oposição que suas políticas enfrentam no país. Durante entrevista coletiva à imprensa, Bush foi alvo de dois sapatos atirados da platéia. O autor dos disparos foi Muntadar al-Zeidi, correspondente do canal de televisão Al-Baghdadia, de propriedade iraquiana e com sede em Cairo, no Egito. "Este é o fim", gritou o jornalista antes de arremessar os sapatos no presidente americano. Na cultura iraquiana, arremessar os sapatos em alguém é um sinal de desprezo.Bush, que estava acompanhado do primeiro-ministro iraquiano, Nuri al-Maliki, conseguiu desviar-se dos projéteis improvisados. Mais tarde, brincou sobre o incidente. "Tudo que posso informar é que são do tamanho 10". Bush está em sua viagem de despedida no Iraque, onde defendeu a guerra que já dura quase seis anos. "O trabalho não tem sido fácil, mas é necessário para a segurança americana, a esperança iraquiana e a paz mundial", afirmou. "Estou muito grato por ter tido a chance de voltar ao Iraque antes do término da minha presidência".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.