Jornalista colombiano é morto à queima-roupa

O jornalista José Dubiel Vázquez, da emissora de rádio Voz da Selva, filial da cadeia Caracol, foi morto hoje à queima-roupa por assassinos profissionais que disparam de uma motocicleta. Vázquez, diretor de notícias da emissora, havia saído de seu trabalho às 7h (horário local), depois do primeiro programa informativo do dia. Quando se dirigia ao hotel onde residia, foi interceptado por dois homens, que dispararam contra ele. Vázquez, de 55 anos, casado e pai de dois filhos, estava acompanhado do jornalista Omar Orlando García, que saiu ileso do crime. Segundo Henry Valencia, locutor da emissora, que tem sua sede na cidade de Florencia, a 380 quilômetros ao sudoeste de Bogotá, não havia ameaças conhecidas contra Vázquez.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.