Jornalista condenada faz greve de fome

A jornalista americana de origem iraniana Roxana Saberi, condenada pelo Irã a 8 anos de prisão por espionagem, iniciou greve de fome cinco dias atrás, revelou o pai dela ontem. Roxana, de 31 anos, é acusada de espionar para os EUA e Israel. Segundo o pai da jornalista, Reza Saberi, o advogado apresentou um recurso ontem. O presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, pediu que as acusações sejam examinadas com justiça.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.