Jornalista é atacado com ácido no Afeganistão

Um agressor desconhecido atacou um renomado jornalista afegão, jogando ácido no rosto do profissional, aparentemente por seu ponto de vista político expresso em artigos, segundo afirmaram a vítima e autoridades. Razaq Momoon contou que caminhava até sua casa, em um bairro residencial de Cabul, na noite de ontem, quando um homem correu atrás dele e lançou ácido em seu rosto.

AE, Agência Estado

19 de janeiro de 2011 | 11h11

O jornalista comentou que estava com óculos, o que ajudou a proteger seus olhos. Momoon falou hoje a um programa da televisão afegã. O jornalista não ficou ferido com gravidade, mas seu rosto tinha manchas vermelhas e negras, enquanto ele falava de sua maca no hospital da capital.

O presidente Hamid Karzai emitiu uma condenação pelo ataque e prometeu dar a Momoon tratamento no exterior, se necessário. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Afeganistãojornalistaataque

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.