Jornalista pede asilo nos EUA

Em julho de 2011, Emilio Palacio, ex-editor de opinião do jornal equatoriano El Universo, foi condenado a 3 anos de prisão por injúrias contra o presidente do país, Rafael Correa. Três diretores do diário também foram condenados à prisão e os réus, entre eles a empresa, foram multados em US$ 40 milhões. Um ano depois, Palacio conseguiu asilo político nos EUA, para onde havia fugido. A sentença acabou perdoada a pedido do presidente. Washington concedeu status de asilado a Palacio em 18 de agosto, dois dias depois de Quito ter aprovado o asilo ao fundador do WikiLeaks, Julian Assange.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.