Jornalista que divulgou dados de caso Jean foi preso

O diário britânico The Guardian afirma nesta quarta-feira que o jornalista da rede de televisão britânica ITV News que noticiou em primeira mão que o brasileiro Jean Charles de Menezes foi morto depois de imobilizado pelos policiais foi preso e libertado sob fiança. Segundo o jornal, a polícia britânica está investigando acusações de roubo de documentos relacionadas ao vazamento das informações da Comissão de Queixas contra a Polícia (IPCC, na sigla em inglês) que substanciaram o furo de reportagem da ITV. A notícia foi ao ar em agosto do ano passado e contrariava as informações que vinham sendo divulgadas pela polícia britânica, de que Jean Charles estaria fugindo da polícia.De acordo com o Guardian, um funcionário da IPCC de 43 anos e uma mulher de 30 anos também teriam sido presos e liberados sob fiança pelas autoridades britânicas.O jornal britânico diz que o jornalista da ITV News teria obtido cópias dos documentos que incluíam a transcrição de depoimentos de testemunhas e fotos.Uma fonte da rede de televisão afirmou ao Guardian que "a polícia parecia estar procurando provas de que houve pagamento em dinheiro pelos depoimentos".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.