Jornalistas cruzam os braços e jornais italianos não circulam

Os grandes jornais italianos não circularamneste sábado devido à greve de jornalistas da imprensa escrita, que inclui as agências de notícias, em protesto contra a falta de renovação do contrato coletivo. A greve começou na sexta-feira e terminará neste domingo, às 7h (2h de Brasília). Novas interrupções estão previstas para os dias 5 e 6 de outubro, quando profissionais de rádio e televisão deverão aderir ao movimento, estendendo a paralisação até o dia 7. A greve foi anunciada no início do mês de setembro pela Federação Nacional da Imprensa Italiana, que se disse "obrigada" a retomar os protestosdevido à "incompreensível e obstinada negativa dos editores a todo tipo de negociação". Se não houver acordo, a Federação Nacional de Imprensa Italiana convocará uma nova greve para os dias 24 e 25 de outubro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.