Jospin oficializa candidatura à presidência da França

O Partido Socialista da França escolheuformalmente hoje, por maioria absoluta, o primeiro-ministroLionel Jospin como seu candidato às eleições presidenciais.Jospin, que chegou ao Salão da Mutualidade, em Paris, a bordo deum carro alugado para sublinhar que se apresentava comocandidato e não como primeiro-ministro, foi recebido por cerca de 1.500partidários que gritavam "Jospin presidente!".Ao dirigir-se ao público, Jospin criticou o presidenteJacques Chirac, seu principal opositor no pleito do segundotrimestre. Ele afirmou que Chirac tem sido um presidente"inativo" nos cinco anos que ambos compartilharam o poder.Jospin também dirigiu suas críticas aos partidos de direita,que realizaram ontem uma reunião que subiu de tom quando ocandidato François Bayrou, da União para a Democracia da França,começou a falar. A reunião, realizada na cidade sulista deTolouse, foi convocada para desenhar uma estratégiade apoio à campanha de Chirac. "Aqueles que se chamam de simpatizantes de Chirac sempre tiveram divisões dentro de suas fileiras", afirmou Jospin.Jospin e Chirac são os principais candidatos para as eleiçõesde 21 de abril, que poderá ter um segundo turno em 5 de maio.Pelo menos outros 17 político declararam suas intenções decompetir, incluindo Bayrou, o líder da extrema direitaJean-Marie Le Pen e o esquerdista Jean-Pierre Chevenement.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.