Jospin pede fim do ciclo de vingança no Oriente Médio

O primeiro-ministro da França, Lionel Jospin, pediu hoje o fim do ciclo de vingança que domina atualmente o conflito no Oriente Médio, e afirmou que os Estados Unidos deveriam voltar a se envolver nos esforços para se solucionar a crise. "Um lado se vinga com mortes. O outro lado se vinga com mortes", disse Jospin em uma entrevista à rádio France Inter. "Uma solução política é necessária", acrescentou.Jospin, que concorre às eleições presidenciais, expressou seu desapontamento com o fato de os Estados Unidos não se esforçarem para encontrar uma saída para a crise. "Os americanos devem se envolver de novo", disse Jospin. (O ex-presidente Bill) Clinton desempenhou um papel importante. Bush está em retirada e, por essa razão, há um vazio", afirmou, referindo ao atual presidente George W. Bush.O premier francês pediu também por um diálogo entre a Europa e os Estados Unidos de um lado e entre palestinos e o governo israelense de outro. "A atual política é obviamente falha, por que ela acaba com a esperança e nem ao menos resulta em segurança para os israelenses", afirmou Jospin.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.