Jovem suicida-se após manter dois reféns por horas

Um jovem de 17 anos suicidou-se hoje com um tiro na cabeça depois de ter mantido um professor e uma jovem de 15 anos como reféns durante cinco horas em uma escola na cidade de Caro, no Estado norte-americano de Michigan, informou a polícia local. Durante as negociações com a polícia, o jovem, cuja identidade não foi revelada, libertou ambos os reféns, mas não se rendeu. Depois, fez alguns disparos para o ar e, em seguida, suicidou-se.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.