Jovens entram em confronto com a polícia no Chile

Jovens jogaram bombas e pedras em confronto com a polícia do lado de fora do Congresso do Chile nesta terça-feira antes de um discurso do presidente, Sebastián Piñera.

AE, Agência Estado

22 de maio de 2013 | 02h57

As autoridades disseram que mais de 130 pessoas foram presas e duas motos da polícia foram incendiadas.

Mais cedo, cerca de 10 mil pessoas marcharam pacificamente pela ampla expansão do ensino gratuito.

Durante seu discurso, Piñera pediu que os parlamentares não cedessem às demandas de que toda a educação se tornasse gratuita, alegando que o Estado não deve arcar com os custos daqueles que podem pagar pela escola. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
chileprotesto

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.