Jovens são acusados por conspirar contra Obama

Os jovens neonazistas que supostamente conspiravam para matar o presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, foram acusados formalmente ontem. Daniel Cowart, de 20 anos, e Pauls Schlesselman, de 18, foram presos no mês passado, antes que Obama ganhasse as eleições presidenciais. Eles planejavam também matar dezenas de outros negros e estão presos sem direito a fiança. A dupla possuía uma escopeta e fazia planos para roubar um vendedor de armas. Em seguida, pretendiam cometer vários homicídios, culminando com o de Obama. Segundo as autoridades, os jovens pretendiam vestir fraque e cartola para atacar o agora presidente eleito.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.