Judeus e muçulmanos se unem pelo turismo cristão

O governo de Israel e a Autoridade Palestina vão cooperar para atrair turistas à região. Segundo os representantes de turismo de ambos os lados, a medida faz parte de uma campanha para fomentar, principalmente, a peregrinação de cristãos à Terra Santa durante o período de Natal.No primeiro encontro entre os ministros de Turismo israelense e palestino desde 2000, o titular de Israel, Gideon Ezra, e seu par palestino, Mitri Abu Aitah, disseram que planejam garantir acesso fácil aos peregrinos cristãos que viajarem entre Jerusalém e Belém, simplificando os controles de segurança.Antes da última intifada, iniciada em 2000, as festividades natalinas atraíam dezenas de milhares de turistas à região. "Dizemos a todos que podem chegar com mais liberdade à Terra Santa", garantiu Abu Aitah. "Creio que este encontro entre nós dois fará com que muitas pessoas visitem a Terra Santa", disse, por sua vez, Ezra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.