Juiz do Haiti libertará alguns missionários dos EUA

Um juiz do Haiti afirmou que ainda hoje devem ser libertados alguns dos 10 missionários batistas norte-americanos que foram presos acusados de sequestrar menores de idade. O magistrado Bernard San-Vil não disse quantos nem quais deles serão liberados.

AE-AP, Agencia Estado

17 de fevereiro de 2010 | 17h02

O juiz acrescentou que permitirá aos que forem libertados que retornem aos Estados Unidos sem pagar fiança, mas eles devem voltar ao Haiti caso a Justiça exija. San-Vil disse que a investigação do caso prossegue.

O grupo de 10 missionários foi acusado de tentar tirar do país 33 crianças haitianas, sem autorização, após o terremoto do dia 12 de janeiro. Os missionários afirmam que estavam em missão humanitária e negam as acusações de tráfico de pessoas.

Tudo o que sabemos sobre:
Haitimissionáriosprisãolibertação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.