Juiz proíbe estrangeiros de usar nomes alemães

A Justiça da Alemanha proibiu uma família de refugiados do Azerbaijão de trocarem seus nomes por outros mais alemães. A família alegou que a mudança os faria sentir menos rejeitados e menos expostos ao preconceito, mas a Corte proibiu a troca.

O Estado de S.Paulo

14 Maio 2012 | 03h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.