Juiz rejeita anular casamento de criança

Um juiz saudita rejeitou o pedido de uma mãe para anular o casamento de sua filha de 8 anos com um homem de 47 anos. Ele alegou que a mãe - que é separada do marido - não era a guardiã oficial da menina. Segundo o advogado Abdullah al-Jutaili, o pai da criança arranjou o casamento para pagar dívidas que tinha com seu "amigo próximo".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.