Juíza derruba parte da Lei Patriótica

Dois artigos da Lei Patriótica dos EUA são inconstitucionais, pois permitem a emissão de ordens de busca sem que se apresente uma causa provável, como exige a 4.ª Emenda à Constituição, concluiu ontem a juíza federal Ann Aiken. A Lei Patriótica, aprovada após os ataques de 11 de setembro de 2001, ampliou o poder das autoridades no combate ao terror.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.