Juíza dos EUA pode decidir sobre lei de imigração do Arizona

Legislação que causou polêmica deveria entrar em vigor na próxima semana

BBC

22 de julho de 2010 | 07h03

 

WASHINGTON - Uma juíza federal no Estado americano do Arizona deve decidir nesta quinta-feira, 22, sobre a implementação de uma nova lei estadual de imigração que tem causado polêmica nos EUA.

A polêmica lei de imigração deveria entrar em vigor na próxima semana. A juíza Susan Bolton deve julgar nesta quinta-feira se a implementação da lei será suspensa enquanto o caso é decidido na Justiça.

A nova lei torna crime estadual a presença de imigrantes ilegais e prevê que a polícia do Estado, ao parar alguma pessoa por determinada infração, possa exigir documentos caso considere o suposto infrator suspeito de ser imigrante ilegal.

A lei também exige que estrangeiros carreguem sempre documentos de imigração, mesmo quando são residentes legais no país.

Disputa legal

Desde que foi anunciada, a lei tem sido alvo de polêmica em todo o país. O próprio presidente americano, Barack Obama, já fez várias críticas públicas à lei. Os opositores dizem que a nova lei do Arizona é discriminatória e vai afetar especialmente a população hispânica.

A nova legislação foi aprovada em abril e virou alvo de uma disputa judicial entre o governo federal e o Estado do Arizona.

O departamento de Justiça dos EUA entrou com um processo contra a lei, afirmando que ela é inconstitucional já que decisões sobre imigração caberiam ao governo federal, e não aos Estados.

Políticos do Arizona dizem que foram obrigados a criar a lei, já que a legislação federal não dá conta dos problemas do Estado, que é o maior ponto de entrada de imigrantes ilegais nos EUA.

Apesar das críticas do governo federal e de grupos de direitos humanos, pesquisas de opinião mostram que a maioria dos americanos é a favor da lei. A polícia do Estado do Arizona já começou a ser treinada para aplicar a nova legislação.

A juíza Susan Bolton ouvirá os argumentos contra e a favor da lei em um tribunal na cidade de Phoenix às 9h (13h no horário de Brasília).

 

BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.