Juíza federal barra regras mais polêmicas da lei de imigração do Arizona

Na véspera de sua adoção, a polêmica lei de imigração do Estado americano do Arizona foi atropelada ontem pela Justiça Federal americana, que cortou suas regras mais incisivas. Entre elas, a que permitia a policiais abordar e prender qualquer pessoa suspeita de ser imigrante ilegal ? as que fossem realmente indocumentadas teriam de cumprir pena e pagar multa antes de ser deportadas.

, O Estado de S.Paulo

29 de julho de 2010 | 00h00

O Arizona é um dos Estados dos EUA com maior porcentual de latino-americanos: 30% da população. A iniciativa da Justiça Federal foi um duro golpe para a governadora republicana Jan Brewer, que transformou a lei de imigração em bandeira de sua campanha pela reeleição. A decisão também abre espaço para o presidente Barack Obama consolidar um novo regime de imigração. A decisão de podar os tópicos mais controvertidos da lei partiu da juíza federal Susan Bolton, que considerou que não compete aos Estados adotar uma legislação com tal peso sobre essa matéria. / D.C.M.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.