Junta aceita visita de relator da ONU

A junta militar de Mianmar (ex-Birmânia) concordou em receber o relator especial das Nações Unidas sobre direitos humanos no país, o brasileiro Paulo Sérgio Pinheiro, antes da reunião da Associação e Nações do Sudeste Asiático, que começa dia 17. O anúncio foi feito ontem pela porta-voz da ONU Michele Montas. A data não foi marcada. Fazia quatro anos que a junta vinha rejeitando a entrada de Pinheiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.