Junta militar aceita libertar americano

O senador americano Jim Webb disse ontem que os militares que governam Mianmar (ex-Birmânia) libertarão o americano John Yeattaw, pivô da última condenação da opositora Aung San Suu Kyi na semana passada. Ela foi condenada a mais 18 meses de prisão domiciliar após sua casa ter sido invadida por Yeattaw.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.