Junta militar do Egito assume poder legislativo por decreto

Anúncio foi feito perto do encerramento da votação do 2º turno das eleições presidenciais no país

Ricardo Gozzi, da Agência Estado,

17 de junho de 2012 | 18h07

A junta militar que governa o Egito aprovou uma constituição provisória por meio da qual assume funções legislativas e prerrogativas de controle do orçamento, informa a televisão estatal egípcia. O anúncio foi feito perto do encerramento da votação do segundo turno das eleições presidenciais no país.

 

Na semana passada, a Suprema Corte egípcia declarou inválidas as eleições parlamentares realizadas recentemente, vencidas por candidatos islamitas. Não há mais detalhes disponíveis pelo momento. Mais informações devem ser divulgadas amanhã, segundo a televisão estatal. As informações são da Dow Jones e da Associated Press.

 
Mais conteúdo sobre:
Primavera ArabeEgitoEleição

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.