Juramento de Duarte no Senado é anulado

Congressistas paraguaios anularam ontem o juramento no Senado do ex-presidente Nicanor Duarte. A decisão foi tomada por aliados ao atual presidente, Fernando Lugo, poucas horas depois de Duarte prestar juramento na Casa. O argumento é o de que o ex-presidente deve assumir como senador vitalício - com direito a voz, mas não a voto.

O Estadao de S.Paulo

27 de agosto de 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.